A Tartaruga Vermelha

A Tartaruga Vermelha é uma das animações mais humanas que você verá deste lado do planeta.

Animação inusitada, devido ao tom adulto, tem sua chance de chegar ao grande público com a indicação ao Oscar.

Com uma narrativa animada e sem falas, A Tartaruga Vermelha conta a história de um náufrago e sua única companhia, a tartaruga do título. Então em uma jornada de longa e interna exploração sentimental, é posto em cheque a importância do ser humano e o seu ciclo de vida.

É incrível como a mensagem conseguiu ser muito bem passada sem sequer uma palavra ser dita, apenas murmúrios e gestos, pode até questionar-se que o cinema mudo já foi o padrão da indústria, mas como estamos animando seres humanos em 2D, e as expressões faciais são essenciais para a comunicação facial, não é fácil construir esta narrativa.

O mérito é do diretor Michaël Dudok de Wit, já premiado pelo Oscar de Melhor Curta Animado por Father and Daughter (2001), que conseguiu juntar os estúdios francês Wild Bunch, belga Why Not Productions e o japonês, famosíssimo e bem conceituado, Stúdio Ghibli, para a realização desta obra bem autoral.

Além de marcar a animação ocidental, que pouco vem se destacando por animações 2D, devido às recentes gigantescas produções 3D de Hollywood, também conseguiu tirar o lendário Hayao Miyazaki da aposentadoria para colaborar na obra.

A Tartaruga Vermelha está concorrendo ao Oscar de Melhor Animação, mas com pouca chance de vencer, pois tanto sua distribuição, quanto sua repercussão não conseguiram sequer igualar-se com as milionárias animações do ano. Pesa também o fato do Ocidente teimar na cultura da animação para crianças, fato superado à anos pelo Oriente, o que sempre nos traz grandiosas obras. Uma pena, pois com certeza é a obra com “mais alma”, das concorrentes.

 

A Tartaruga Vermelha

Título Original: La Tortue Rouge
Ano: 2016
Direção: Michaël Dudok de Wit
Duração: 80 min.
Nacionalidade: França, Bélgica, Japão
Gênero: Fantasia, Animação

Gounford

Gounford

Amante do cinema, viciado em games, entusiasta de séries e escravo dos quadrinhos e livros... Ou seja, procura-se emprego para sustentar tudo isso!
Gounford

Últimos posts por Gounford (exibir todos)

Compartilhe!

Gounford

Amante do cinema, viciado em games, entusiasta de séries e escravo dos quadrinhos e livros… Ou seja, procura-se emprego para sustentar tudo isso!